Mercado Pago Point Mini

mercado pago point mini
Maquinas,

Mercado Pago Point Mini

Com o aumento da produção de novas maquininhas de cartão além das tradicionais, ficou um pouco difícil escolher entre as novas maquininhas. Nós temos, por exemplo, maquininhas do PagSeguro, a maquininha da Payleven e muitas outras. Entre essas novas surgiu o modelo do MercadoPago, a Mercado Pago Point Mini. Neste post analisaremos essa maquininha, ressaltando os prós e os contras da nova maquininha do MercadoPago.

Especificações básicas

Essa maquininha, diferentemente da Moderninha Pro, é semelhante à Minizinha. É necessário ter um celular ao lado para que ela funcione. O aplicativo do MercadoPago é compatível com Android e iOS, sendo as versões mínimas, respectivamente, 4.0.3 e 9.

A maquininha do MercadoPago se comunica com o celular através do Bluetooth e os valores pagos na maquininha são recebidos diretamente pelo vendedor no cartão pré-pago do Mercado Livre. Infelizmente, a maquininha não permite o uso de cartões de tarja. Além disso, o Mercado Livre garante três anos de garantia.

Em relação às bandeiras que a maquininha Mercado Pago Point Mini aceita, elas são as seguintes: Visa, MasterCard, Hipercard, Elo, American Express e Diners Club.

E por fim, o preço dela é bastante razoável. A maquininha custa R$118,80 e pode ser parcelada em 12x por R$39,90. A maior parte dos vendedores têm condições de adquirir a maquininha, o que permite que ela seja popularizada rapidamente.

Taxas da Mercado Pago Point Mini

As taxas da maquininha Mercado Pago Point Mini não são altas e seguem quase iguais as das concorrentes. Não há taxa de aluguel e nem necessidade de pagamento para começar o uso da maquininha.

As vendas em cartões de débito é de 2,29% e o dinheiro é liberado logo na confirmação da transação. Vendas em cartões de crédito parceladas e à vista dependem do prazo selecionado e número de parcelas da compra.

A taxa de 3,03% se refere ao saldo em 30 dias para vendas em crédito à vista, 3,79% para 14 dias e 4,74% para liberação logo na confirmação. As vendas em parcela têm uma taxa mínima que se soma às taxas específicas por tabelas.

Existe uma taxa de inatividade que é cobrada assim que 30 dias se passam sem a venda de qualquer produto.(São R$3 por cada retirada se não houver vendas nos últimos 30 dias).

Mesmo com essa taxa a maquininha do mercado pago pode ser a melhor solução ao seu negocio.

As taxas de parcela são as seguintes:

ParcelasPercentual por venda
10%
24,09%
35,41%
46,70%
57,96%
69,20%
710,41%
811,61%
912,78%
1013,92%
1115,05%
1216,15%

Mercado Pago Point Mini – Tá na mão

Conclusão

A Mercado Pago Point Mini pode não ser a maquininha mais perfeita do mercado, mas ela(quase) consegue chegar no mesmo nível da Minizinha do PagSeguro.

A taxa de ociosidade seria o único ponto a se chamar atenção nessa maquina de cartão.

Ela precisa de celular para funcionar, semelhantemente à Minizinha do PagSeguro. Além disso, o depósito dos valores recebidos é feito na conta virtual do cartão pré-pago do MercadoPago.

No que tange às taxas, a maquininha se comporta semelhante às concorrentes, com taxas parecidas que se diferenciam decimalmente. Apesar disso, ela ainda é mais cara que a Minizinha do PagSeguro e assegura algumas funcionalidades presentes já na concorrente da Uol.