Maquininha Sipag – Conheça as taxas da maquininha cooperativa!

Maquininha Sipag
Maquinas,

Maquininha Sipag – Conheça as taxas da maquininha cooperativa!

A Maquininha Sipag tem chamado muito a atenção de lojistas, varejistas e outros donos dos seus próprios negócios que buscam maior facilidade em relação as taxas de recebíveis de cartões de crédito e débito.

Isso acontece porque estamos falando de uma maquininha que é administrada por uma das maiores redes de cooperativas de todo o Brasil, o Bancoob. Hoje, falaremos sobre como ela funciona, quais são as suas taxas e modelos. Portanto, caso queira conhecer a Maquininha Sipag ainda melhor, acompanhe-nos até o final de nosso conteúdo e deixe um comentário caso possuir alguma dúvida. Vamos lá, leia conosco!

O que é a Maquininha Sipag?

O Que é A Maquininha Sipag

O que é a maquininha Sipag?

Mas afinal, o que é a maquininha Sipag e por que a mesma está tão famosa devido as suas taxas? As mesmas são baixas em relação a concorrência? Conforme mencionado na introdução, sim, as taxas são mais atrativas em relação a concorrência.

Isso porque a maquininha faz parte de um projeto do Bancoob, rede de cooperativismo que quer alcançar outras máquinas tradicionais de mercado como a Getnet e a Cielo, através de suas taxas atrativas advindas do modelo bancário cooperativista.

Estamos falando da maquininha de cartão do famoso Sicoob. Acontece que cooperativas como essas possuem taxas mais baixas, até mesmo em seus empréstimos pessoais, que possuem taxas menores e que se assemelham a taxas de consignados de bancos tradicionais.

Dessa forma, essas taxas menores também chegam a quem utiliza as maquininhas Sipag, independentemente do modelo das mesmas e que devem ser negociadas diretamente com seu gerente. Vamos explicar isso posteriormente, então continue lendo conosco!

Modelos da maquininha Sipag

Modelos da maquininha Sipag

Modelos da maquininha Sipag

Atualmente, o Bancoob possui duas opções de maquininhas Sipag, sendo que elas ainda mudam através de duas formas de funcionamento. As maquininhas podem vir com ou sem fio, e funcionam através dos sistemas POS e TEF, visando atender tanto empresas grandes quanto as pequenas. Leia abaixo para entender melhor:

O que é a maquininha POS?

A diferença crucial nas máquinas POS é que cada máquina funciona apenas com uma rede de adquirência (como a Rede, Cielo, Stone, Getnet). Ou seja, ao utilizar uma máquina POS, o estabelecimento fica restrito a aceitar apenas os cartões operados por sua fornecedora.

O POS depende apenas de uma linha discada ou de rede de celular (POS GPRS) para poder funcionar e realizar a comunicação de dados. O recibo é impresso na própria máquina. Quando existe algum problema ou defeito, a adquirente precisa ser acionada para consertar ou substituir o produto.

Assim, não se faz necessário que a maquininha Sipag esteja conectada a algum servidor externo, como seu caixa instalado no seu computador.

O que é a maquininha Sipag TEF?

Frequentemente confundido com o POS, o TEF (Transferência Eletrônica de Fundos) normalmente é visto apenas por uma de suas partes, o pinpad – máquina onde o cartão é inserido e a senha é digitada.

Nesse caso, tanto TEF e POS são realmente parecidos, porém a diferença é que o TEF é fixado no caixa.
O TEF é muito comum em supermercados, farmácias e varejistas com grande volume de vendas no cartão (acima de R$30 mil por mês), devido à maior facilidade para controlar as vendas.

No entanto, o TEF está começando a se popularizar até mesmo entre os varejistas de menor porte, devido à redução do seu custo de implantação.

Sipaguinha

Maquininha Sipag Portátil

Maquininha Sipag portátil

Já a Sipaguinha é a maquininha de cartão de crédito que funciona sem fio e é muito mais portátil, podendo ser levada no bolso e ideal para quem faz vendas externas diariamente, facilitando seu translado, pois é bem leve e cabe no seu bolso. Nesse modelo, a maquininha Sipag não imprime comprovante de pagamento, mas o mesmo pode ser encaminhado via SMS.

Maquininha Sipag taxas

Maquininha Sipag Taxas

Maquininha Sipag taxas

Como acontece em muitos casos na hora de contratar uma máquina de cartão tradicional, os custos e taxas envolvidos na aquisição e manutenção do aparelho não estão divulgados no site da Sipag.

Para conhecê-los, é preciso ir até a cooperativa de crédito, a qual analisa pagamentosdigitais.org/maquininha-de-cartao-barata-em-2021caso a caso. Você irá informar dados básicos sobre o seu negócio, como ramo de atividade e faturamento, permitindo assim que o agente defina o melhor plano de taxas para você.

Por outro lado, a Sipag defende que, por ser uma cooperativa de crédito, suas taxas e custos são mais baixos do que os da concorrência, já que ela não visa o lucro. Além disso, ela não cobra taxa de adesão e faz antecipação de recebíveis. Segundo o contrato da empresa, as seguintes taxas serão cobradas de você – veja também algumas taxas divulgadas em veículos de comunicação:

  • Não cobra taxa de adesão
  • Aluguel com fio: R$73,00/mês;
  • Aluguel sem fio: R$93,00/mês;
  • TEF: R$15,00/mês;
  • Transação sob consulta;
  • Desinstalação sob consulta;
  • Taxa de conectividade: R$12,00;
  • Taxa de antecipação 2,09% a 3,49% ao mês.

E então, o que achou de conhecer ainda melhor os detalhes de funcionamento, taxas e modelos da maquininha Sipag? Alguma delas lhe chamou atenção? Está pensando em entrar em contato e solicitar um orçamento em relação ao seu fluxo de vendas e taxas da maquininha? Ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje? Conte a nós, comente abaixo!

Até a próxima!

-->