Máquina de Cartão Stelo – VEJA TAXAS E MODELOS!

Máquina De Cartão Stelo
Cielo,

Máquina de Cartão Stelo – VEJA TAXAS E MODELOS!

A Máquina de Cartão Stelo não existe mais.

Mais da metade da empresa foi adquirida pela concorrente Cielo, dessa forma, não é mais possível adquirir as antigas maquininhas.

Caso queira entender melhor sobre isso e saber como funcionava a Máquina de Cartão Stelo, com suas especificações, modelos e taxas, acompanhe-nos até o final do conteúdo e deixe um comentário caso possuir alguma dúvida.

Vamos lá, leia conosco!

A Stelo foi Adquirida pela Cielo

Taxas Cielo Em 2021

A Stelo foi adquirida pela Cielo

Aqui em nosso conteúdo já trouxemos diversos posts falando sobre a Cielo.

A empresa já foi uma das maiores do mercado, mas devido a diversos motivos, atualmente é uma das que mais decai no mercado.

Isso acontece porque conforme o tempo foi passando, as empresas foram se atualizando.

Mas, a Cielo não fez o mesmo.

Sempre foi a última a se atualizar, a usar novos métodos de pagamento e assim por diante.

Atualmente, a Cielo passa por uma crise interna muito grande.

Além disso, ela já possui todos os métodos de pagamentos que imaginar.

Desde QR Code até tecnologia de pagamento por aproximação, o NFC.

Mas, como essas tecnologias demoraram a ser implementadas, muitos clientes foram perdidos para os concorrentes.

Dessa forma, a empresa continuou com suas taxas altas pra dar conta de seus débitos no mercado, o que não funcionou muito bem.

Afinal, os clientes que sobraram acabaram migrando pra outras empresas de maquininha devido as altas taxas da Cielo.

Ano após ano, enquanto concorrentes diminuíam suas taxas, a Cielo mantinha as cobranças ou até mesmo as aumentava.

Assim, a empresa precisou se renovar.

Uma das formas de fazer isso, foi comprando a rede de maquininhas Stelo.

Atualmente, a marca não existe mais, nem ao menos as suas maquininhas.

Ao acessar o site da Stelo que você acessa clicando aqui, terá a opção de adquirir sua máquina.

Ao clicar nessa opção, será redirecionado pro site principal da Cielo.

As antigas máquinas de cartão Stelo, atualmente, são administradas pela Cielo.

A transação ocorreu quando a empresa comprou 70% de participação da Stelo por R$87,5 milhões de reais.

Dessa forma, o nome foi mantido como marketing, mas todas as taxas cobradas e administração cobradas são feitas pela Cielo.

Hoje, vamos falar melhor sobre as suas antigas maquininhas.

A máquina de cartão Stelo era disponível em 3 modelos diferentes e com taxas fixas, sem aluguel.

Continue lendo conosco e entenda melhor!

Especificações da Máquina de Cartão Stelo

Conforme mencionamos, a marca e as máquinas não funcionam mais.

Dessa forma, existem especificações das máquinas e de suas taxas antigas, não as atuais.

Que não são muito diferentes das maquininhas da Cielo, a diferença é que eram mais portáteis.

Portanto, leia conosco:

Não possuía aluguel

Um dos principais benefícios é que a máquina de cartão Stelo não possuía aluguel.

Nenhuma delas, nem mesmo taxa de adesão.

Dessa forma, caso você desejasse ter a sua, bastava comprar uma, sem nenhuma taxa adicional.

Ao pagar pela máquina, você poderia parcelar seu custo em até 12x.

Logo após, não pagaria mais nada, teria 5 anos de garantia e suporte técnico sempre que precisar.

Esse era um dos principais trunfos da marca.

O cadastro era muito fácil de ser feito

Lembra-se de quando mencionamos que a Stelo era a aposta da Cielo pra sair do vermelho?

Então, isso se dissipa em todas as áreas da empresa.

Inclusive no cadastro, que é muito rápido e pode ser feito de maneira online.

Assim, não é necessário se deslocar e em pouquíssimo tempo você já tem a sua maquininha em mãos pra receber seu dinheiro.

Criar um cadastro com a Stelo era simples e sem burocracia.

Tudo era realizado online e não havia a necessidade de envio de documentos.

Tanto pessoa física quanto jurídica podia comprar uma maquininha Stelo, podendo solicitar o cartão pré-pago da empresa caso não tivesse uma conta bancária.

Durante o preenchimento do cadastro, você deveria informar o seguinte:

  • Dados básicos, como nome, endereço, telefone, e-mail, e CPF se for pessoa física ou CNPJ para pessoa jurídica;
  • Dados bancários;
  • Iria escolher operadora de celular de sua preferência (Vivo, Tim, Claro ou Oi);
  • Iria escolher o ramo de atividade comercial;
  • Como o seu nome ou da sua empresa deveria aparecer na fatura do cartão do cliente;
  • Se desejaria receber o saldo de suas vendas na sua conta bancária ou pré-pago, e em 2 ou 30 dias;
  • Caso você fosse correntista do Banco do Brasil, também poderia solicitar uma das máquinas Stelo através do site do BB.
  • O pagamento pela maquininha poderia ser feito em até 12 vezes no cartão de crédito ou boleto e o frete seria grátis. O prazo de entrega começaria a contar após confirmação do pagamento, sendo de até 10 dias úteis.
  • Esse período poderia se estender para até 15 dias úteis para as regiões Norte e Nordeste.

Lembrando que essas informações são meramente adicionais.

Visto que, atualmente, as maquininhas Stelo não existem mais, e apenas sobra a opção de comprar as máquina da Cielo.

Ou então, de alguma concorrente que tenha melhores máquinas e melhores taxas aos donos de seus próprios negócios.

Ao acessar o site da Stelo, você será redirecionado pro site da Cielo.

E então, o que achou do passo a passo de como adquirir a sua maquininha da Stelo? Fácil não é? Está pensando em adquirir a sua?

Então, lembre-se de procurar pelas máquinas da Cielo.

Abaixo, mencionamos algumas especificações sobre as antigas máquinas Stelo.

Leia conosco!

Quais eram suas máquinas?

A máquina de cartão Stelo estava disponível entre 3 modelos.

Cada uma delas servia pra um tipo de negócio diferente.

Conheça cada uma delas:

Stelo Max

Máquina de Cartão Stelo

Max

Esse era o modelo mais tradicional.

Funcionava com chip próprio, sem conexão, possuía muita tecnologia e era perfeita pra quem tinha um negócio maior.

A mesma também imprimia o comprovante pro seu cliente final.

O modelo também encaminhava o comprovante por e-mail ou SMS.

Stelo Mob

Mob

Mob

A Mob era a máquina intermediária, não tão completa, mas essencial pra um negócio de tamanho médio.

Suas funcionalidades eram parecidas com a Max, mas não imprimia comprovantes.

Sua bateria durava menos, em torno de 6 horas, mas também possuía autonomia e funcionava com chip próprio.

Stelo Mini

Máquina de Cartão Stelo

Mini

Já a Mini era a opção pra quem estava começando e precisava de mobilidade.

Isso porque a mesma funcionava com conexão de celular e poderia ser carregada facilmente no bolso.

Perfeito pra autônomos que vendem de porta em porta.

Quais eram suas taxas?

E quais eram as taxas?

Podemos resumir de uma única forma: altas.

As taxas não eram tão atrativas, talvez tenha sido isso que fez a mesma sair de cena no mercado e acabar nas mãos da nababesca Cielo.

Veja as taxas abaixo:

  • Taxa débito saldo em 1 dia útil: 2,08%;
  • Taxa crédito à vista saldo em 2 dias úteis: 4,95%;
  • saldo em 30 dias corridos: 3,18%;
    Taxa parcelamento saldo em 2 dias úteis: 5,55% + 2,99% por parcela;
  • saldo em 30 dias corridos: 3,78% + 2,99% por parcela;
  • Depósito direto na conta bancária ou cartão pré-pago.

Como fazer para adquirir uma Máquina de Cartão Stelo?

Conforme mencionamos, isso não é mais possível.

Agora, caso queira uma máquina da mesma administração, é necessário comprar alguma das máquina da Cielo.

Você pode conhecer as máquinas da Cielo e suas taxas para 2021 clicando aqui.

Ainda Vale A Pena

Conheça as máquinas da Cielo

E então, ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje?

Conte a nós, comente abaixo!

Até a próxima!